O IMPACTO DA FOME

“A fome é nada mais do que falta do alimento básico suficiente a nossa sobrevivência”. Temos vivido ao longo deste triste tempo de pandemia dias de muita tristeza, mas também de muito orgulho por podermos proporcionar a tantas pessoas o mínimo para garantir a dignidade humana. Entre todas as campanhas (DOE SAÚDE SOLIDARIEDADE E CAPIXABA SEM FOME) e entregas avulsas, já atingimos quase 100 toneladas de alimentos distribuídos em menos de 2 anos. Aproximadamente 7692 cestas básicas, levando comida a mais de 30mil pessoas. Até aqui foram inúmeras histórias vividas neste tempo de trabalho ao qual pudemos dar a voz aqueles que pedem socorro. Nossas ações não levaram apenas alimentos, mas sim palavras de conforto, abraços fraternos e a esperança de dias melhores. Nos preocupamos também em ocupar os jovens com estágios e envolve-los em nossos projetos. Colocamos nossas parceiras EDP com programas de Tarifa Social, onde pudemos reduzir as contas de energia e diminuir os gastos domésticos e a REDE GAZETA com excelentes coberturas jornalísticas que mostram de perto essa realidade das periferias. Com todo nosso empenho incentivamos empresas para somarem forças conosco e levamos ao poder público a verdade das comunidades para que nelas se baseiem a aplicação das políticas públicas necessárias para as populações vulneráveis. Baseado em tantos momentos especiais ao colocarmos comida em cada casa desta, nos sentimos realizados ao saber que todo nosso esforço tem sido positivo e que isso transcenderá ainda mais nosso movimento de transformação social. Não se pode apenas pensar que apenas uma cesta básica pode garantir ascensão social para nenhuma família. Queremos garantir que todo nosso esforço não seja em vão e que tudo valeu a pena. Existem, atualmente, 27,4 milhões de indivíduos na situação de fome no Brasil e no Estado do ES 30% das famílias passam por esse problema. É preciso um esforço conjunto para que todos se sintam integrados e responsáveis por aqueles que vivem as margens da sociedade.
Trabalhamos pelas as pessoas e comunidades, visando transformar a nossa sociedade num mundo melhor para se viver.
Seja também um colaborador ou voluntário de CDC
“CDC – Trabalhando para transformar vidas”
@cdccentraldascomunidades

Filmagem e Edição: Thiago Zucatelli – @thiliufotografia

Texto: João Campoi